Segunda-feira, 9 de Julho de 2007
O Poema e a Musica

O poema e a Musica

 

 

 

Estranho?  Mas isto comigo é mesmo assim .Tem dias em que estou virado para aqui

outros para ali.

Doido pois é !

Bem, só um pouquinho.

faz-me falta esta loucura.

Mas este sou eu.

Com todas as minhas pancadas mas inteiro!

 

Qual a musica que mais gosto?

Bem isso é.....

também estranho.

 

Pink floid

 

Another breack in the wall

 

Don´t cry for me, Argentina

 

Agora readaptada pela Madona.

Mas este meu gosto vem de longe, à anos luz!

Não sei quem cantava mas também não interessa o que me toca é a musica.

 

Leo  Ferré

Anarquista francês!

Foi lindo um concerto no coliseu também à anos luz.

 

sobre os livros

 

Paul Sartre

 

Simone de Beauvoir

 

Isabel Allende


Fernando pessoa


Saramago


entre outros

 

Sobre a musica

Sou um pouco obtuso

Mas gosto do que me entra pelo corpo dentro e me faz vibrar

É mais uma coisa através da sensibilidade

Ou dos momentos e das memorias.


Mas importante, importante. São mesmo as palavras que se jogam e, que voam por aiPousando  na mão deste e daquele  e. espraiando os pensamentos pelas ruas da cidadeE quem sabe , contribuído para a mudança deste pequeno mundo que é o nosso e, que é importante empurrar  para que comece a girar !..girar !.. girar!...

 Ai que engraçado, que é esta bola a bailar no ar até desaparecer no  horizonte  .

Estar ali sentado e esperar o seu regresso,  com um novo olhar sobre as coisas e o Mundo.

 

Sete da tarde, o Sol quase a esconder-se, mas que vontade de correr sobre a água para o apanhar 

Lindo !..lindo !...lindo!...

 

A vida é luar, é sonhar e jogar. 

Este jogo interminável, que  torna bela a paisagem.

 

É correr e saltar,  é fazer do feio belo e amar, as pequenas coisas que nos surgem e que por vezes nem ligamos.

 

É fazer acontecer o que acontece, é um sem numero de coisas impossível de nomear.

É olhar o infinito e ficar em silencio

É sem duvida a coisa mais bela que já me aconteceu.

Bom mas sendo isso tudo, é também tudo o resto, que nós quisermos que ela seja.

 A beleza toda,  só pode surgir de dentro de nós

 

 


publicado por sociolocaminhar às 00:12
link do post | comentar | favorito
|
.mais sobre mim
.pesquisar
 
.Maio 2016
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
15
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28
29
30
31
.posts recentes

. ...

. Que valores valores

. para todos os que ainda ...

. A ética e a Moral

. Para reflectir

. Bases principais do Pensa...

. Não permitam o "Afundamen...

. A construção a Humana , ...

. Para Reflectir

. Para obter um milhao e qu...

.arquivos

. Maio 2016

. Junho 2015

. Janeiro 2013

. Dezembro 2012

. Novembro 2012

. Outubro 2012

. Maio 2012

. Abril 2012

. Março 2012

. Outubro 2011

. Agosto 2011

. Abril 2011

. Agosto 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Junho 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

.tags

. todas as tags

.favoritos

. caminhos

. Coisas do sempre e do nu...

. Percursos

. Não podia ser quem Sou

. Da Ribeira da minha terr...

. Prazer ou Nostalgia

. lazer

. Memorias ...

. O Poema e a Musica

. Apareço assim de mansinho

.contador
HTML Counter
Hit Counters
blogs SAPO
.subscrever feeds